Biomassa de Banana Verde – um alimento funcional

Considerado um alimento funcional, de performance nutricional expressiva, a Biomassa de Banana Verde, seja em sua forma Integral (polpa+casca) ou somente a polpa, está cada vez mais presente à mesa dos consumidores que buscam alternativas mais saudáveis e mudança no comportamento alimentar, visando mais saúde por meio da alimentação.

A banana verde é considerada um alimento funcional, pois, quando cozida ainda verde, apresenta alto conteúdo de amido resistente presente na polpa da fruta. O benefício do amido resistente é similar ao da fibra alimentar, pois não é digerido e absorvido no intestino delgado, sendo fermentado somente no intestino grosso, onde favorece a proliferação de bactérias benéficas para o nosso intestino (ação simbiótica), além de manter a integridade da mucosa intestinal responsável pela absorção adequada dos nutrientes e pela barreira
da entrada de substâncias maléficas. Desta forma, o consumo de banana verde auxilia no trânsito intestinal adequado, atuando na prevenção e tratamento de quadros de diarreia e constipação, além de prevenir o desenvolvimento de doenças como o câncer de intestino.

Além de contribuir para a saúde do intestino, a banana verde exerce outros efeitos benéficos ao organismo, pois é um alimento de baixo índice glicêmico, ou seja, sua digestão e absorção são mais lentas. Com isso, a quantidade de glicose liberada no sangue ocorre gradativamente, mantendo os níveis no sangue controlados, contribuindo então para a prevenção do desenvolvimento de diabetes.

A banana verde auxilia ainda na prevenção do acúmulo de gordura corporal, uma vez que permite menor ingestão de alimentos devido ao aumento da saciedade promovido pelo amido resistente. Há ainda estudos que indicam o consumo de amido resistente para redução do colesterol sanguíneo (dislipidemias), pela redução de sua produção pelo fígado, e pelo aumento da sua eliminação pelos ácidos biliares. Assim, a banana verde pode ter importante função preventiva no desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Também de acordo com estudos, cozinhar a banana na pressão, com casca, em água e com refrigeração posterior, ajuda a preservar a quantidade de amido resistente deste alimento, fato este atribuído principalmente pela permanência da casca no momento da cocção. Já a farinha de banana verde, produto este obtido a partir da biomassa do fruto, mostrou-se fonte alimentar de alguns minerais importantes para a manutenção de uma boa saúde, como cálcio, ferro, magnésio, zinco, fósforo e vitamina C, quantidades razoáveis de vitamina A, B1 e B2 e traços de cobre, manganês e sódio.

Além de todos os benefícios apontados, a biomassa de banana verde tem sido mencionada em pesquisas como uma grande alternativa para os portadores de doença celíaca (intolerantes ao glúten) no preparo de receitas, utilizando a farinha de banana verde pura ou associada com outras farinhas livres de glúten, em substituição à farinha de trigo. Em todas as amostras, tiveram ótima aceitabilidade entre portadores de doença celíaca e não portadores, em comparação com massas convencionais. Além disso, a massa preparada com banana verde obteve uma redução de mais de 98% dos teores de gorduras, em relação às convencionais. Os autores destacam a importância do desenvolvimento de produtos à base de banana verde pura ou associada como fator de maior disponibilidade aos celíacos, contribuindo assim, para a melhoria da qualidade de vida destas pessoas.

O preparo da Biomassa é simples, pode ser feito em casa e podem ser utilizadas para a confecção de bolos, biscoitos e outras massas, substituindo a farinha de trigo. Além disso, é possível adicionar em sucos de frutas e vitaminas.

Veja como preparar a biomassa:

1. Lave as bananas verdes com casca, uma a uma, utilizando esponja com água e sabão e enxágue bem;
2. Em uma panela de pressão com água fervente (para criar choque térmico), cozinhe as bananas verdes com casca, cobertas com água por 20 minutos;


3. Desligue o fogo após os primeiros 8 minutos, e deixe que a pressão continue cozinhando as bananas;
4. Espere o vapor escapar naturalmente. Não force o processo abrindo a panela debaixo da torneira, por exemplo;
5. Ao término do cozimento, mantenha as bananas na água quente da panela;
6. Vá aos poucos tirando a casca da polpa, que deve ser passada imediatamente no processador. É importante que a polpa esteja bem quente, para não esfarinhar;
7. Coloque a quantidade desejada da polpa cozida quentíssima no processador;
2. Processe até obter uma pasta bem espessa;
3. Se não for utilizar imediatamente, guarde a polpa em saco plástico. Essa polpa pode ser guardada por 3 a 4 meses no congelador, mas necessitará de um reprocessamento.

Rende 16 porções (23 calorias cada).

Consumir 1 colher de sopa rasa ou 2 cubos de gelo de biomassa ao dia ou 2 colheres de sopa rasas/dia de farinha de banana verde.

Biomassa de fibra (casca): A biomassa de fibras deverá ser feita depois do término do preparo da biomassa de polpa, utilizando a casca de banana verde que está de molho na solução de água com limão, da seguinte forma:

1)    Prepare uma solução de água com limão; 

2)    Coloque uma xícara (de café) da solução no liquidificador e tampe;

3) Ligue o liquidificador e, pela tampa menor, vá colocando colheradas de cascas escorridas, aos poucos, até que fique uma pasta.

  A Biomassa de Fibra pode ser utilizada em: Patês variados, hambúrguer, almôndega, carne de banana, pães, biscoitos integrais, molhos diversos, etc.

Importante: Evite que a banana verde cozida e as biomassas entrem em contato com o alumínio ou ferro, pois oxidam e escurecem. Prefira panelas de aço inox, teflon, pedra ou recipientes de vidro.

 Reprocessamento das Biomassas e das Bananas Verdes Congeladas

1) Retire a embalagem de biomassa ou banana verde que vai utilizar e deixe na geladeira até descongelar por completo. Se estiver com pressa, descongele no vapor;

2) Coloque a biomassa ou banana verde descongelada numa panela com um pouco de água, o suficiente para cobrir o fundo da panela (uns dois dedos);

3) Leve ao fogo e mexa, sem parar, até que comece a ferver;

4) Leve imediatamente para um processador ou liquidificador e bata. Se necessário, acrescente aos pouquinhos água fervente até se obter uma massa bem fina, sem grãos e brilhante;

5) Se desejar uma massa mais encorpada, volte ao fogo, mexendo sem parar até o ponto desejado.

Já fiz uma postagem com uma receita de brigadeiro funcional e coloco abaixo mais alguns exemplos de receitas saudáveis em que a biomassa pode ser adicionada:

Suco Funcional com Biomassa (Polpa)

Ingredientes:
Suco de 1 laranja
Folha de couve
100 ml de suco de uva
1 colher de sopa de linhaça
1 colher de sopa da biomassa de banana verde (polpa)

Preparo:
Bata os ingredientes no liquidificador e consuma este suco energético no café da manhã.

Hambúrguer e almôndegas (com a casca processada)

Ingredientes: 500g de carne moída sem gordura (pode fazer com a carne de frango moída também), 3 cascas de banana verde processadas, 2 ovos, 2 pães franceses triturados,1 cebola pequena bem picada, 4 dentes de alho bem picados, 2 colheres (sopa) de salsa picadinha, sal a gosto,1 colher (café) de pimenta do reino moída (opcional).

Modo de preparo: 
Tempere a carne moída, misture todos os ingredientes em uma travessa, amasse tudo com as mãos. Se você perceber que está com pouca liga, coloque um pouco de farinha de trigo ou pão triturado para melhorar. Forme as bolinhas ou modele em forma de hambúrguer e coloque numa assadeira média untada com óleo. Leve ao forno médio por 30 minutos. Sirva simples ou com molho de tomate.

 

Nutricionista Bruna Di Chiara Passos

Fontes: http://www.valemaisalimentos.com.br

http://www.vponline.com.br/propriedadesfuncionaisdabananaverde

http://www.ativo.com.br/osbeneficiosdabananaverde

About these ads

Sobre Bruna Di Chiara Passos

Nutricionista, apaixonada pela profissão que atende em consultório pacientes com variados tipos de objetivos: reeducação alimentar, perda e ganho de peso, nutrição para gestantes, acompanhamento para esportistas, dietas específicas, inclusive para patologias em geral. Formada pela UNIP de São José dos Campos/SP, com cursos de Extensão de Nutrição aplicada a Medicina Estética, Nutrição Materno Infantil, Aproveitamento Integral dos Alimentos, Dietas da Moda e Nutrição na atividade física e no emagrecimento. Além do atendimento em consultório, sou colaboradora da Revista para Diabéticos, editora Online e do site Semlactose, participei de algumas reportagens sobre saúde nos sites IG Ciência e Saúde e UOL Ciência e Saúde, e da revista ABRAMGE (Associação Brasileira de Medicina de Grupo), também sou colunista do Portal Educação. Este blog é de cunho informativo, para que as pessoas possam ficar ligadas sobre as novidades no ramo da Nutrição. Todos os seguidores são bem vindos e fiquem à vontade de participar. Espero que gostem!! “Os efeitos da presente orientação só serão efetivos quando associados a uma alimentação equilibrada e hábitos de vida saudável”.
Esse post foi publicado em Matérias e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

14 respostas para Biomassa de Banana Verde – um alimento funcional

  1. Boa tarde
    Bruna estou fazendo meu tcc sobre os beneficios da biomassa.E gostaria de saber onde foi que você pesquisou sobre o reprocessamento da biomassa ?
    Preciso da referencia.
    Obrigada.

  2. Cristiane Gomes disse:

    Bom dia!!
    tenho uma dúvida.. se as bananas abrirem durante o cozimento eu ainda posso utilizá-las pra fazer a biomassa??? ou tenho que usar somente as que permaneceram fechadas??
    O que pode acontecer com as bananas ao entrarem em contato com a água do cozimento?

    Achei excelente a matéria !

    Parabéns pelo Blog!

    • Boa tarde, Cristiane!

      Primeiramente, obrigada pela participação!

      Cozinhar as bananas com casca é que contribui para a preservação do amido resistente deste alimento no momento da cocção. Se elas abrem durante o processo, podem perder essas propriedades funcionais e nutricionais na água.

      Lembrando que após o cozimento, também pode utilizar a casca para fazer a biomassa. Receita na matéria, ok?

      Abraço!

  3. Karin von Pescatore disse:

    Obrigada Bruna, você acabou com todas as minhas dúvidas a respeito da pasta de banana verde c/ou sem casca. Explicou perfeitamente os efeitos para o corpo e vou experimentar ambos. Tenho certeza que nao foi pela última vez que consultei o seu blog. Bjs

  4. Viviane Lima Cabral disse:

    Por que é preciso fazer o reprocessamento?

    • Olá, Viviane!

      O reprocessamento é indicado para a biomassa congelada, pois é quando cozida que ela apresenta o alto teor de amido resistente definido como prebiótico e pode favorecer funcionalmente o intestino, contribuindo também para a saúde do organismo no geral.

      Além disso, o reprocessamento pode preservar mais o seu tempo de vida útil.

      Qualquer dúvida, fico a disposição.

      Abraço!

  5. lilian gondin disse:

    ola meu nome e lilian gostaria de saber quantas vezes por dia posso usar a bio massa de banana verde? e como posso estar utilizando adequadamente por que estou passando por uma reeducação alimentar sem acompanhamento de um nutricionista em 40 dias ja emagreci 4,5kg somente com mudanças na alimentação.

    • Olá, Lilian!
      Primeiramente, agradeço por sua participação em meu blog!
      A biomassa de banana verde pode e deve ser utilizada por todas as pessoas, tendo vários benefícios no organismo, além de auxiliar no processo de reeducação alimentar e perda de peso de modo saudável.
      É recomendado o consumo de 1 colher de sopa ou 2 cubinhos de gelo da biomassa ao dia, podendo ser utilizada em várias preparações, inclusive em vitaminas, sucos de fruta, patê, hambúrguer, almôndega, pães…enfim, em tudo em que você quiser e gostar.
      Lembrando sempre que, caso congele a biomassa, é necessário fazer o reprocessamento depois do degelo, ok?
      Parabenizo também por seu esforço e dedicação em seu objetivo! Continue assim, o sucesso de tudo em nossa vida só depende de nós mesmos.
      Grande abraço!

  6. Carolina disse:

    Olá, bela postagem. Estou fazendo um trabalho sobre esse assunto e achei muito interessante as informações postadas. Parabéns.

  7. Patricia Gubel disse:

    Valeu pela dica bjos Patricia dacidade de SUZANO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s